Descontaminação Ambiental com vapor de Peróxido de Hidrogénio no controlo da infeção por Klebsiella pneumoniae Produtora de Carbapenemases

07/19/2019 Uncategorized 0

Foi publicado na última edição da revista Hotelaria & Saúde um artigo que avaliou o padrão de infeção por Klebsiella pneumoniae Produtora de Carbapenemases (KPC) e a eficácia das estratégias de contenção da sua transmissão entre doentes submetidos a transplante de progenitores hematopoiéticos, internados sequencialmente no mesmo quarto. A descontaminação ambiental com Vapor de Peróxido de Hidrogénio (VPH) de elevada concentração revelou-se mais eficaz do que a limpeza terminal convencional, tendo permitido interromper a cadeia de transmissão da infeção. A taxa de doentes infetados com KPC de Abril a Outubro de 2015 foi de 100% vs 5% no período de Outubro de 2015 a Agosto de 2017, tendo a intervenção por VPH sido efetuado a 28 de Outubro de 2015.